Fique por dentro

Enfrentando a ansiedade.

O tratamento do câncer tem por finalidade a cura ou alívio dos sintomas da doença, mas pode provocar efeitos colaterais que variam de paciente para paciente dependendo de múltiplos fatores, podendo ser diferentes quanto à intensidade e duração.

Alguns pacientes relatam sentir ansiedade e  medo que, no caso de atrapalharem suas vidas por mais de algumas semanas, é fundamental que se busque ajuda profissional. Muitas vezes, o melhor tratamento para a ansiedade envolve técnicas para a redução do estresse. Confira algumas abordagens comportamentais para o controle da ansiedade:
  • :arrow_right: Reconhecimento do medo – Às vezes, pessoas com ansiedade sentem um medo ou receio que não conseguem identificar. Articule seus medos tão explicitamente quanto possível. 
  • :arrow_right: Conversando com o médico – Expresse seus sentimentos e medos o mais claramente possível. Se você se sente ansioso antes de determinados exames, procedimentos ou tratamentos, o médico pode ajudá-lo explicando o procedimento, ouvindo suas preocupações, certificando-se que você tem todas as informações necessárias.
  • :arrow_right: Evite comportamentos que pioram a ansiedade – Durma o suficiente, converse com o médico sobre como controlar a dor de forma adequada e evite anti-histamínicos e cafeína.
  • :arrow_right: Relaxamento – Técnicas de relaxamento podem ajudar a reduzir a ansiedade.
  • :arrow_right: Consulte um terapeuta – Os profissionais da área de saúde mental podem ajudá-lo a lidar com a ansiedade.
  • :arrow_right: Envolva-se – Fazer parte de um grupo de apoio ou de uma ONG ligada ao câncer pode ajudá-lo a lidar com a ansiedade.
  • :arrow_right: Medicação – Pessoas que sofrem de ansiedade aguda grave podem precisar de medicação antes de tentar qualquer uma das técnicas acima. (Fonte: Oncoguia)
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *